Deputado Derrite leva demanda da oncologia da Santa Casa de Sorocaba a Ministro da Saúde

O diretor presidente da Santa Casa de Misericórdia de Sorocaba, Padre Flávio Jorge Miguel Júnior, esteve em Brasília a convite do Deputado Federal Capitão Derrite para uma reunião com o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. A pauta principal da reunião foi o reajuste do teto financeiro para a assistência oncológica, já que o déficit do setor no último trimestre foi de mais de R$ 500 mil. O Senador da República Major Olimpio também participou da reunião, depois de conhecer o hospital no início do mês. 

Padre Flávio apresentou relatórios que mostram os resultados apurados entre os meses de abril, maio e junho. Verificou-se que os serviços de alta complexidade para assistência oncológica hospitalar (cirurgias) e ambulatorial (quimioterapia, radioterapia, RNM e tomografias) atingiram um déficit de R$ 500.387,58, ao que se refere ao recurso de fonte federal. A estimativa desse déficit ao ano totaliza R$ 2.001.500,32.

Agora, esses resultados foram entregues ao Ministro, que vai avaliar junto à equipe técnica do Ministério, tendo em vista a falta de recursos da instituição para os atendimentos oncológicos. 

A Santa Casa de Misericórdia de Sorocaba faz o atendimento a pacientes de toda a região e é referência no tratamento de câncer para os pacientes de diversos municípios. O Deputado Federal Capitão Derrite já destinou R$ 1 milhão para a instituição e anunciou nesta terça-feira (22) o envio de R$ 1,4 milhão em emendas da Bancada Paulista. “Esse é o meu compromisso com um hospital que presta atendimento a tantos moradores da região de minha cidade natal. Contem sempre com o meu apoio para manter os atendimentos, principalmente quando se trata de um tema tão complexo e delicado quanto a oncologia”, afirmou o Deputado Capitão Derrite. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram